ESCOLA OFICIAL DE IOPT NO BRASIL

Uma nova visão do psicotrauma que levará para outro nível de resultados.
CONHEÇA LIA BERTUOL
João da Silva
Terapeuta da Teoria e Terapia do Psicotrauma orientadas para a Identidade – IoPT (acrônimo de Identity oriented Psychotrauma Therapy and Theory, denominação na língua inglesa).

Formada em Direito pela UNISINOS e especialista em Direito Processual Civil pela PUCRS, fez MBA em Gestão Organizacional pela Fundatec-BR em parceria com a University of Tennessee, em Martin, nos EUA.

Envolvida com desenvolvimento humano desde 2013, frequentou os cursos de Constellations Familiales et Systémiques, na Libre Université du Samadeva em Le Hohwald, França, nos anos de 2016 e 2017, e participou dos Intensivos em Constelaciones Estructurales (SySt), em Cartagena, Colômbia, nos anos de 2017 e 2018, com seus criadores Mathias Varga e Insa Sparrer.

A leitura do livro Simbiose e Autonomia nos Relacionamentos despertou seu interesse para as Constelações de Trauma em 2016, depois chamadas de Constelações da Intenção, mais tarde de Constelações da Identidade. Atualmente, o professor Franz Ruppert batizou de Encontros Consigo Mesmo, no Brasil denominado ECoM.

Em abril de 2017, visitou Lisboa para olhar de perto esse trabalho realizado diretamente pelo seu criador e, a partir desse encontro, iniciou sua jornada dedicando-se exclusivamente ao estudo e aplicação da teoria em desenvolvimento pelo professor Ruppert, que a denomina Teoria e Terapia do Psicotrauma orientadas para a Identidade – IoPT. Lia estrutura sua formação básica na frequência dos cursos em Bilbao (Espanha), Londres (Reino Unido), Oslo (Noruega) e Brasília (Brasil).

Em 2019, foi incluída na Lista dos Terapeutas Recomendados no site do Professor Franz Ruppert.

Em janeiro de 2020, concluiu o Curso Internacional Avançado em IoPT, na sua quarta edição, com o próprio Franz Ruppert em Munique, na Alemanha.

Licenciada para o ensino da IoPT no Brasil, desde maio de 2021 promove a formação em IoPT com o curso Temas Fundamentais e Práticas Assistidas, embasado nos ensinamentos do Professor Ruppert, atualmente na oitava edição, destinado a todos que se interessam pelo autoconhecimento, bem como para aqueles que queiram se tornar praticantes na IoPT.

Além da formação e supervisão com o professor Franz Ruppert, estudou IoPT e o Método da Intenção com Marta Thorsheim e Vivian Broughton.

Professora e palestrante em cursos de Pós-Graduação lato sensu, escreveu o artigo O Pensamento Sistêmico, as Constelações e o Judiciário Brasileiro, publicado na Revista de Arbitragem e Mediação ano 17/64, edição Janeiro / Março de 2020. Comprometida em disseminar a IoPT no Brasil, traduziu e organizou a publicação do livro Meu Corpo, Meu Trauma, Meu Eu, de Franz Ruppert & Harald Banzhaf em 2020, fez a revisão técnica do livro Quem sou eu em uma sociedade Traumatizada?, publicado em 2021, e a organização e revisão técnica do livro Amor, Desejo e Trauma, em 2022, todos de Franz Ruppert.
Utiliza os Encontros Consigo Mesmo – EcoMs, da terapia IoPT, para atendimentos individuais e em grupo na forma on-line e presencial.
O QUE É IoPT
A terapia IoPT nasceu na Alemanha a partir da prática de constelações de Franz Ruppert. Recentemente foi denominada de Teoria e Terapia do Psicotrauma orientadas para a Identidade e é comumente chamada de IoPT.

Franz Ruppert, que é doutor em psicologia pela Universidade Técnica de Munique desde 1985 e Professor de Psicologia na Fundação Católica da Universidade de Munique desde 1992, inicia sua prática como constelador em 1994. No ano de 2000, elege a psicotraumatologia como o principal conteúdo das suas atividades de ensino e investigação.

Acompanhando as constelações familiares como apresentadas por Bert Hellinger, Franz Ruppert vai desenvolvendo ao longo do tempo uma percepção aguda para as descobertas de vinculações traumáticas nas constelações.

Em 2007, sua metodologia já é apoiada por fundamento teórico próprio, introduzindo o modelo tridimensional da psiquê, em que associa as estruturas psíquicas e as relações interpessoais. Nessa trilha, vai transformando a sua prática e se afastando das constelações familiares clássicas. Tendo como base o conhecimento de que o trauma produz fragmentações psíquicas, a metodologia vai assumindo referencial particular, no qual a ressonância não se dá com pessoas completas, mas com partes delas; o ponto central do processo não é mais o sistema familiar do demandante, mas seu sistema interno e as partes da sua psiquê.
Nesse ponto, Franz Ruppert lança a pedra fundamental para a teoria IoPT, com descrição minuciosa das ideias que a fundamentam e a disposição de comprová-las através da prática intensa. Vai disseminando seu trabalho por outros países, esclarecendo dúvidas, confrontando as ideias contrárias e preenchendo espaços vazios na sua teoria. Evidencia que o encontro com as diversas partes da psiquê e o contato com sentimentos cindidos trazem ao indivíduo uma maior compreensão acerca dos seus próprios traumas.
Nessa fase, denomina a prática de constelação do trauma e convive com uma outra variável que é a constelação do propósito da pessoa, o qual é representado na constelação por um indivíduo. Detecta que, constelando a intenção através da ressonância, traz à tona informações sobre vínculos instáveis e traumatizantes. No entanto, percebe também que muitas vezes a pessoa está distraída, absorta em seu próprio interior e não se conecta com a constelação em curso. Essa distância entre quem está sendo constelado e a sua própria constelação em andamento indica-lhe o passo a ser dado em seguida.

A partir de 2009, altera o método e passa a denominá-lo de Constelação da Intenção, no qual a intenção é ressoada pela própria pessoa que demanda a constelação. A partir desse marco, é possível observar quanta clareza o demandante tem sobre a sua identidade e quanto será possível avançar nessa exploração.

A alteração seguinte se dá em 2015, quando o método de Ruppert passa a representar cada palavra da intenção por um ressonante. Tratando-se de processo direcionado para o conhecimento da identidade, ele denomina a sua constelação de constelação da identidade, pois permite ao demandante a compreensão e integração das suas fragmentações psíquicas decorrentes de traumas que acabam por revelar a sua identidade.

Mais recentemente, decide denominar todo o seu constructo teórico de IoPT, sigla em inglês que sintetiza Identity-oriented Psychotrauma Therapy, que pode ser traduzida como Teoria e Terapia do Psicotrauma orientadas para a Identidade e que vem se espalhando pelo mundo e demonstrando sua coerência a cada momento em que é experimentada.

O livro Simbiose e Autonomia nos Relacionamentos: o trauma da dependência e a busca da integração pessoal, foi traduzido para a língua portuguesa e publicado no Brasil em 2012. Nele, Franz Ruppert apresenta o desenvolvimento do seu trabalho até aquele momento.
De lá para cá, muitas alterações foram incorporadas às suas experiências iniciais e foram reunidas neste conjunto coeso denominado IoPT – sigla que deve ser mantida no original em inglês para uniformizar a comunicação internacional.

Saber “quem eu sou” é um enigma a ser decifrado pela humanidade desde as civilizações mais remotas. A terapia IoPT é capaz de nos conduzir à verdade sobre quem realmente somos.

Franz Ruppert
Professor Dr. Franz Ruppert: professor de Psicologia na Universidade de Ciências Aplicadas em Munique, Alemanha. Obteve seu PhD em Psicologia Organizacional e do Trabalho na Universidade Técnica de Munique, em 1985. Leciona em muitos países e vem aprofundando seus estudos sobre os efeitos mais profundos do trauma. Desenvolveu a Teoria e Terapia do Psicotrauma orientadas para a Identidade – IoPT e vem aplicando com o Método da Intenção. Autor de vários livros traduzidos em muitas línguas, dentre eles Simbiose e Autonomia nos Relacionamentos, único livro publicado em português, em 2012.

image

Livros de Franz Ruppert traduzidos para o português

Imagem black-week
Meu Corpo, Meu Trauma, Meu Eu
2ª Edição - Revisada e Ampliada
Tradução de Lia Bertuol (Organizadora) e Paulo Suliani 
Quero comprar
Imagem black-week
Amor, Desejo e Trauma
Tradução de Paulo Suliani
Organização e revisão de Lia Bertuol


Quero comprar
Imagem black-week
Quem sou eu em uma sociedade traumatizada?
Tradução de Leide Borges
Revisão de Lia Bertuol
Organização de Maria Justina Mottin Nunes
Quero comprar

CURSO DE FORMAÇÃO EM IOPT

Curso licenciado pelo Prof. Franz Ruppert

Um conjunto harmonioso e desencadeado de conhecimentos capaz de te levar a aprofundar a consciência de si próprio e dos seus relacionamentos, sejam eles pessoais ou profissionais. Curso on-line com certificado.

Operação Detox: Detox e Emagrecimento

Se você tem interesse em participar das nossas atividades, inscreva-se clicando no botão abaixo para receber as informações dos próximos eventos.

PUBLICAÇÕES de interesse

PESQUISA 
A Influência da IoPT na Atividade da Doença de Hashimoto,
por Drd. Maria-Magdalena Macarenco

PENSAMENTO SISTÊMICO, AS CONSTELAÇÕES E O JUDICIÁRIO BRASILEIRO
por Lia Bertuol

ARTIGO SOBRE O COVID-19, POR FRANZ RUPPERT, EM 23/03/2020
com tradução do espanhol por Lia Bertuol

ARTIGO SOBRE O COVID-19, POR FRANZ RUPPERT, EM 25/03/2020
com tradução do espanhol por Lia Bertuol

TABACO NA ADOLESCÊNCIA - A EXPLORAÇÃO DA VULNERABILIDADE
por Adalberto Pasqualotto

GOSTARIA DE MARCAR A SUA CONSTELAÇÃO - ENCONTRO CONSIGO MESMO? ENTRE EM CONTATO!